Produdos Tradicionais Portugueses
biblioteca online
Parceria portuguesa para os solos
Sistema de Informação do Regadio
Bolsa Nacional de Terras
Rede Rural Nacional 
Boletim Informativo - Estratégia Nacional para a Agricultura Biológica e Plano de Ação
Agricultura biológica
Guia de apoio à criação de microempresas
Guia de apoio às explorações agrícolas
Serviço de Acncelhamento Agrícola
Tecnicos em Formação Regulamentada

 

 

Balcão Único

 

Área reservada

Ação de (in)Formação do Programa ECOXXI

EcoXXI

27/02/2018, Auditório da Agência Portuguesa do Ambiente, Lisboa

- DGADR apresenta reformulação do Indicador 20

A DGADR faz parte da Comissão Nacional do ECO XXI, sendo júri do Indicador 20, juntamente com a FCUP. Este indicador pretende aferir a iniciativa dos municípios em matéria de ações que valorizem as atividades agrícolas e rurais, no que toca ao seu grau de sustentabilidade, no quadro da valorização dos modos de produção, dos produtos qualificados e das abordagens seguidas nas iniciativas levadas a cabo.Durante a sessão a DGADR apresentou a reformulação do Indicador 20 do Programa ECO XXI - Agricultura e Desenvolvimento Rural Sustentáveis.

No conjunto de 21 indicadores, este indicador representa 3,5% da pontuação total, valendo no máximo 3,5 pontos. 

É calculado tendo em consideração os 4 sub-indicadores seguintes:
A – Habitat agrícola seminatural (2017)
% da SAU ocupada com habitat agrícola seminatural.
Pontuação máxima – 0,5 pontos

B – Modo de Produção Biológico no concelho (2017)
% da SAU controlada no Modo de Produção Biológico.
Pontuação máxima – 0,5 pontos

C – Valorização dos produtos de qualidade (2017) 
N.º de produtos qualificados (DOP, IGP, etc.), no concelho.
Pontuação máxima – 0,5 pontos

D – Iniciativas/projetos de sustentabilidade (2015 a 2017)
N.º de iniciativas / projetos em que o município esteve envolvido
Pontuação máxima – 2,0 pontos

 

 

logo agri fam
CAOF
uso eficiente da agua
sistema de  reconhecimento de regantes

 

sir destaque2
Cartas Pery
NREAP
projeto BINGO